TVRIO20 ao vivo via Internet da Rio+20

Uma equipe de 18 profissionais está cobrindo tudo o que acontece na Rio+20 tanto na programação oficial como na extra-oficial com entradas relâmpago da equipe Ricardão, Ricardo e Ricardinho!

A TVRio20 está no ar em média 10 horas por dia ao vivo acompanhando debates, eventos e seus desdobramentos da Rio+20 . Uma iniciativa inédita na internet. Profissionais experientes em mídia impressa e televisão tomam parte dessa jornada em busca da diversidade ambiental dando vez e voz a todos os atores envolvidos nesse processo.

Entre a equipe da TVRio20 estão Ricardo Carvalho, fundador da Tv Meio Ambiente, José Maurício Oliveira, Ricardo Nehrer, Letícia Leite, Antonio Henrique Lago, Darlene Menconi e Ricardo Soares que será o âncora das transmissões.

O patrocínio é do Sebrae e TetraPak! Vale a pena acompanhar aqui

Arquitetura Sustentável

arquitetura sustentávelAntes de construir consulte um arquiteto verde, abaixo uma lista com os fundamentos da construção sustentável.
Os bons escritórios de arquitetura já trabalham com estes itens desde o planejamento da obra com excelentes resultados e otimização de custos impressionantes, principalmente no longo prazo.
  • Captação e reaproveitamento de águas pluviais;
  • Telhado e muro verdes;
  • Acessibilidade física dos espaços, inclusive do edifício com o entorno;
  • Otimização da iluminação natural;
  • Otimização da ventilação natural;
  • Otimização do conforto térmico e acústico;
  • Captação de energia solar para geração de energia e aquecimento;
  • Automação para controle da iluminação artificial;
  • Ar condicionado ecológico;
  • Especificação de materiais ecologicamente corretos, certificados e recicláveis;
  • Especificação de equipamentos com o menor consumo e a melhor eficiência energética;
  • Projeto e execução de paisagismo para pequenos e grandes espaços;
  • Gerenciamento dos resíduos gerados em obra;
  • Respeito às normas técnicas e leis vigentes.

Fonte: Ferreiro e Gaspar Arquitetura

Roupas com pegada?

Sim nossas roupas deixam pegadas de carbono e elas podem ser bem profundas, todo o processo de desenvolvimento de uma peça de vestuário pode ter impactos ambientais maiores ou menores conforme a forma com que são produzidos, os materiais que utiliza e até na forma com serão jogados fora.

A sustentabilidade é o cuidado que se busca ter durante todo o Ciclo de Vida do Produto em seus diferentes estágios.

De forma geral as fases de produção envolvem a produção e processamento de matérias-primas, fabricação, comercialização, uso e a gestão do descarte ao fim da vida dos produtos.

O processo de criação é um estágio importante, pois é na criação que todas estas etapas são planejadas, mas em minha opinião, a Decisão de Compra, ou a hora em que a gente vai escolher uma roupa ou sapato na loja, é a etapa mais importante de todas, quando escolhemos comprar um determinado produto ou ao contrário, deixarmos de comprar outro, podemos conscientemente apoiar ideias ambientalmente positivas e rejeitar produtos sem preocupações ecológicas.

As nossas decisões de compra vão servir como estatística para os estilistas conceberem, para a indústria produzir e para movimentar todo o comércio e o marketing em cima destes produtos.

Então cuidado com o que deseja, seus sonhos de consumo podem se tornar realidade, mas será que estes produtos fazem parte de um futuro sustentável?

Claudio Vaz

A adorável Summer Rayne Oakes

Uma moça de 26 anos prova que beleza e cérebro podem conviver e inclusive somar forças para ajudar a mudar o mundo.
Summer Rayne Oakes  é conhecida como uma modelo-ativista ou eco-modelo, formada pela prestigiada Universidade Cornell de Nova York em Recursos Naturais e Entomologia, utilizou sua carreira de modelo como vitrine para produtos e marcas legitimamente verdes, apoiando causas como o Comércio Justo, a Paz Mundial e ensinando empresas a adotarem práticas suntentáveis.
A carreira e a filosofia da linda morena com sangue de indios americanos foi destaque nas revistas Vanity Fair, Cosmo e Amica, logo foi chamada de “eco-celebridade” e brilhou na CNN, NPR, GTV, FoxNews e na série Planet Green do Discovery Channel, seu livro “Style, naturally“ lançado no início do ano já é um best seller e todos os produtos e marcas que indica são imediatamente reconhecidos e desejados.
Há um ano nossa querida Gisele Bündchen foi designada embaixadora da ONU para o Programa de Meio Ambiente mostrando que o mundo da moda tem muito a acrescentar para as causas humanitárias e ambientais.

Summer Rayne Oakes: Reel (Short Version) from SRmanitou on Vimeo.

Artigo publicado originalmente no Portal da Rede TV

Quanto custa a chuva, o sol e o vento?

A natureza não cobra pelos serviços prestados, água potável, nutrientes do solo ou o sol. Empresas e pessoas utilizam estes recursos como se fossem sua legítima propriedade e eternos.

O Economista Pavan Sukhdev é coordenador do estudo ” A economia dos Ecosistemas e da Biodiversidade”  TEEB em inglês, que será apresentado na COP 10 no próximo mês no Japão.

Continuamos a destruir a biodiversidade pois não olhamos para os benefícios da conservação em termos econômicos, não damos valor aos recursos da natureza, este é o problema”

A idéia do relatório não é cobrar pelo uso dos recursos naturais, mas calcular o preço do que se preserva e se economiza para dar o devido valor a tudo o que vem da natureza.

Luiz Pryzant

O Planeta Terra é a nova vítima da moda

Oscar de La Renta foi o primeiro a falar nas fashion victims, pessoas que simplesmente não conseguem resistir e seguem modismos cegamente, elas são vitimas da moda por serem inseguras e ficam vulneráveis aos assédios do consumismo e jamais conseguem firmar seu próprio estilo.

O problema é que a moda anda fazendo outras vítimas, e não é de hoje! o recente vazamento de petróleo no Golfo do México lembra que a maioria das roupas produzidas no mundo é feita de poliéster, nylon, lycra e outros polímeros derivados deste mineral anti-ecológico.

O mais chato é que as nobres fibras naturais como o algodão, linho e lã também estão na lista dos super vilões da poluição ambiental.

O algodão é o campeão disparado, começa a fazer sujeira na sua origem, está entre as monoculturas que mais utilizam fertilizantes e pesticidas pesados com conseqüências diretas para o ser humano e com alto custo para a fauna, flora e meio ambiente, continua emitindo poluentes ao ser beneficiado, no seu branqueamento e no tingimento e estamparia industrial, e a poluição continua até a nossa casa com as freqüentes lavagens que o algodão exige.

A sorte é que estamos iniciando um forte caminho em direção ao uso de matérias primas com origem renovável, estamos no limiar de uma nova moda, onde o bacana é ser sustentável, muitas Marcas já investem em tecidos orgânicos com pouca ou nenhuma emissão de poluentes.

Os melhores exemplos são os tecidos que utilizam fibras de origem renovável como o algodão e lã orgânicos, bambu, fibra de bananeira, seda, e a viscose que é derivada da polpa da madeira.

Do nosso lado, como consumidores, podemos apoiar este movimento evitando comprar roupas “baratinhas” e escolhendo produtos com certificação de origem.

Pequenas atitudes grande Rock ‘n’ roll

SWU Music and Arts Festival

Vai combinar música e arte nos dias 9, 10 e 11 de outubro na Fazenda Maeda, em Itu, cerca de 70 km de SP.  O evento ocupará um espaço de arena de 200 mil metros quadrados e pode receber milhares de pessoas ao longo dos seus 3 dias de duração, escolha o dia ou vá nos 3:

09/10/2010
RAGE AGAINST THE MACHINE
LOS HERMANOS
INFECTIOUS GROOVES
THE MARS VOLTA
MUTANTES
BLACK DRAWING CHALKS
MACACO BONG
BROTHERS OF BRAZIL
10/10/2010
KINGS OF LEON
DAVE MATTHEWS BAND
REGINA SPEKTOR
JOSS STONE
SUBLIME WITH ROME
CAPITAL INICIAL
JOTA QUEST
O TEATRO MÁGICO
ILO FERREIRA
11/10/2010
LINKIN PARK
TIËSTO
PIXIES
QUEENS OF THE STONE AGE
INCUBUS
AVENGED SEVENFOLD
CAVALERA CONSPIRACY
YO LA TENGO
RAHZEL
GLORIA
CRASHDIET
ALAIN JOHANNES

Ao longo dos três dias também acontecerá lá um Fórum Sustentável, com especialistas em alguns dos principais temas da sustentabilidade no século 21.

O SWU (Starts With You – Começa Com Você) é um movimento de conscientização em prol da sustentabilidade que tem o intuito de mobilizar o maior número de pessoas para mostrar que, por meio de pequenas ações no seu dia a dia, é possível ajudar a construir um mundo sustentável.

O movimento oferece formas de engajamento por meio do FacebookTwitter e do próprio portal:  www.swu.com.brcom dicas diárias de pequenas mudanças que podemos fazer na nossa rotina. Simples e efetivo.

Luiz Pryzant